Dando prosseguimento às atividades de rotina e atendendo às solicitações por parte da população, equipes de fauna da Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) efetuaram resgates de animais silvestres em alguns bairros da capital e no interior sergipano.

No bairro Farolândia, Zona Sul de Aracaju, os profissionais resgataram uma jiboia arco-íris (Epicrates) que se encontrava em um restaurante. Após a avaliação veterinária, constatou-se tratar-se de um animal adulto com 1,20 m, bastante saudável e ativo, e, por não apresentar nenhuma lesão aparente, foi solto em área de reserva ambiental.

No Centro da capital, um Savacu (Socó-dorminhoco) que estava preso na área de ventilação de uma loja comercial foi resgatado por uma das equipes. Após a avaliação veterinária, viu-se que a ave apresentava lesões nas asas e assim ficando impossibilitada de voar, tendo sido encaminhada para o Centro de Tratamento de Animais Silvestres (Cetas) para os devidos cuidados, e, posteriormente, ser reinserida na natureza.

No Bairro Industrial, Zona Norte de Aracaju, outra equipe de fauna resgatou uma coruja-do-mato (Strix virgata) que se encontrava dentro de uma residência, contida em uma caixa. Feita a avaliação, os profissionais optaram por encaminhá-la ao Cetas para ser avaliada minuciosamente, e, a depender do resultado, receber os cuidados necessários, e,  posteriormente, ser posta à soltura.

Interior

O órgão ambiental foi acionado para recolher 12 aves silvestres no município de Itaporanga D’ajuda, Território da Grande Aracaju, sendo todas elas provenientes de apreensões realizadas pelo Pelotão de Polícia Ambiental. Entre as aves recolhidas, haviam sanhaço (Thraupis), rolinha-pedrês (Columbina squammata), viuvinha (Colonia colonus), tico-tico (Zonotrichia capensis), canário-da-terra (Sicalis flaveola) e rolinha-roxa (Columbina talpacoti). Após avaliação veterinária, constatou-se que todas elas estavam saudáveis e sem apresentar nenhuma lesão, motivo pelo qual foram libertadas em área de reserva ambiental

No distrito de Lagoa Redonda em Pirambu, Território Leste Sergipano, uma jiboia adulta (Boa constrictor) foi resgatada. Ao chegar no local, os profissionais encontraram o réptil preso em uma rede de pesca. Após avaliação veterinária, constatou-se que a cobra estava saudável, tendo sido posta à soltura.

Última atualização: 3 de junho de 2022, 16:08 PM